Federação Paulista de Volleyball

FPV

WIZARD/SUZANO VENCE ULBRA/SÃO PAULO NA PRIMEIRA SEMIFINAL

30 out 2004

O Wizard/Suzano continua sem perder para o Ulbra/São Paulo na temporada 2004. Neste sábado, jogando no Ginásio Poliesportivo do Morumbi, o time dirigido por Ricardo Navajas conseguiu o terceiro resultado positivo ao marcar 3 sets a 0, parciais de 25/19, 25/23 e 25/21, em 1h28min, na primeira partida da série melhor-de-três das semifinais. O Wizard/Suzano, vice-campeão estadual em 2003, pode garantir a presença na decisão no jogo de volta, marcado para o dia 4, quinta-feira, no Ginásio Municipal Paulo Portela, em Suzano. Caso seja necessário a terceira partida, a mesma acontecerá em Suzano, em razão da melhor campanha do Wizard, segundo colocado na fase de classificação.

Se 2003 foi o ano do Ulbra/São Paulo nos confrontos com o Wizard/Suzano, tendo até conquistado o título paulista na casa do adversário, na temporada 2004 a situação se inverteu. Foram três jogos e três vitórias do time suzanense, tendo perdido apenas um set perdido. Na semifinal deste sábado, apesar do esforço e garra dos jogadores do Ulbra/São Paulo, o Wizard/Suzano jogou como quis, impondo o ritmo desejado e conseguindo executar bem os contra-ataques e bloqueios. O resultado deixou o time bem próximo de chegar a mais uma final.

“O time se apresentou bem, fazendo o que tínhamos o planejado. Somente no segundo set, quando não valorizamos os contra-ataques, é que nosso rendimento caiu. Num nível de vôlei como este, isso não pode acontecer. Vamos corrigir esse ponto durante os próximos dias para poder tentar a vaga na final no jogo de quinta-feira”, explicou Ricardo Navajas. O treinador apenas não gostou do horário da partida. “Nunca treinamos ou jogamos nesse horário e isso acaba afetando no rendimento dos jogadores”, completou.

Marcos Pacheco, técnico do Ulbra/São Paulo, reconheceu que sua equipe não conseguiu fazer o que precisava para derrotar o adversário. “Em alguns momentos até tivemos chance de endurecer, mas não transformamos isso em pontos. Tudo que planejamos para mudar a atitude da equipe acabou não dando certo”, explicou. “Além de tudo, os jogadores querem vencer o Wizard de qualquer jeito e essa ansiedade acaba atrapalhando também. A situação está pior, sem dúvida, mas isso é do jogo. Vamos trabalhar para achar uma alternativa para superar o Wizard/Suzano”, completou.

O Wizard/Suzano começou o jogo com Rapha, Murilo, Douglas, André Nascimento, Rodrigão, Dirceu e o líbero Paulinho. No decorrer do jogo entraram Paulão e Guilherme. O Ulbra/São Paulo iniciou com Royal, Cleber, Kid, Sidão, Nei e Cris, além do líbero Índio, entrando depois Evandro e Lilico

Assessoria de Imprensa da FPV:


MBraga Comunicação

Texto: Marcelo Eduardo Braga – Mtb 18324 – e-mail: imprensa@fpv.com.br

Veja também:

Rua Dr. Rafael de Barros, 596
CEP: 04003-043 - São Paulo, SP
(11) 3053-9560