Federação Paulista de Volleyball

FPV

SELEÇÃO FEMININA DERROTA CUBA EM JOGO ÉPICO DE CINCO SETS

14 jul 2005

Sendai – Num dos mais emocionantes jogos da edição 2005 do Grand Prix feminino, a seleção brasileira derrotou Cuba por 3 sets a 2, em confronto que 1h59 em Sendai, no Japão. A equipe do técnico José Roberto Guimarães saiu na frente, permitiu a virada do adversário, mas teve poder de reação de buscar o triunfo no tie-break, fechando com parciais de 25-16, 21-25, 22-25, 25-21 e 16-14. Foi a segunda vitória brasileira na fase final do Grand Prix. Na estréia, as atuais campeãs da competição haviam derrotado a Holanda. Com os dois triunfos, o Brasil lidera ao lado da Itália. No entanto, as européias levam vantagem no saldo de sets.

“Esta vitória é muito importante para o resto da competição. Cuba é um adversário muito difícil de ser batido. Mas nós estávamos concentrados e perseguimos cada bola”, comentou o técnico José Roberto Guimarães após a partida.

O primeiro set da seleção foi impecável. Com grande desempenho defensivo, o Brasil não encontrou dificuldades para fechar em 25 a 16. A seguir, o bloqueio cubano começou a funcionar. No início do segundo set, as adversárias brasileiras abriram vantagem de 8 a 1. Depois, apenas administraram o placar até fechar em 25 a 21, empatando o jogo.

O quadro tático da partida não mudou no terceiro set. O bloqueio voltou a fazer a diferença no final, e Cuba fechou em 25 a 22. Nesta parcial, seis pontos foram marcados pela parede cubana na rede. No quarto set, o Brasil usou o mesmo fundamento para empatar o confronto. Com quatro pontos de bloqueio, a seleção conseguiu a vantagem no placar, fechando em 25 a 21.

O tie-break foi equilibrado, com as duas equipes se alternando na liderança do placar. No final, depois de salvar um match point de Cuba, o Brasil conseguiu fechar em 16 a 14, definindo a vitória.

“Tinha a sensação de que seria um jogo de cinco sets. Por isso, tinha que manter minha concentração sempre em alta. Cuba tem um serviço muito forte. Nosso jogo precisava ser inteligente para vencermos”, analisa Paula Pequeno.
Em outro jogo desta quinta-feira, a Itália bateu a favorita China por 3 sets a 0, com parciais de 25-16, 25-21 e 25-22. Foi a segunda vitória das italianas e o segundo revés das campeãs olímpicas chinesas.

No complemento da rodada, o Japão, seleção anfitriã da fase final, conquistou a primeira vitória ao derrotar a Holanda por 3 sets a 1, com parciais de 22-25, 25-20, 28-26 e 25-22. No Grand Prix, a fase final é disputada por seis seleções, que jogam entre si. A que somar o maior número de pontos fica com o título. Campeã em 2004, a seleção brasileira defende luta pelo quinto título do torneio. O próximo adversário da seleção brasileira será o Japão. O jogo será realizado na manhã deste sábado, às 6h.

Fonte: UOL

Veja também:

Rua Dr. Rafael de Barros, 596
CEP: 04003-043 - São Paulo, SP
(11) 3053-9560