Federação Paulista de Volleyball

FPV

São Caetano/Mon Bijou busca recuperar vantagem em Macaé

27 fev 2007

Macaé (RJ) – O São Caetano/Mon Bijou entra em quadra nesta quarta-feira para tentar igualar a briga com a Cimed/Macaé por uma vaga nas semifinais da Superliga Feminina de Vôlei. Depois da derrota na abertura da série melhor de cinco dos playoffs, o time do ABC aposta na recuperação de seu conjunto para surpreender a equipe comandada por Sérgio Negrão e retomar a vantagem de decidir a série em casa se o quinto jogo do mata-mata for necessário. O confronto será realizado no Ginásio Maurício Bittencourt e tem início marcado para as 20h.

Depois de realizar um primeiro turno impecável, no qual chegou a aspirar à liderança da competição, o São Caetano/Mon Bijou caiu de produção em decorrência de uma série de lesões. Paula, Ciça, Karin e Dayse sofreram com contusões e, embora já venham sendo utilizadas pelo técnico Antonio Rizola, só agora começam a reunir condições reais de jogo.

“Foi um período difícil da nossa equipe. Nossas atletas se machucaram em ‘acidentes de trabalho’ e não por desgaste físico. Desde então focamos nosso trabalho na recuperação e, naturalmente, o time caiu”, analisou o preparador físico Chicão. “Foi um baque. Nosso maior trunfo é o jogo coletivo e, com as baixas que tivemos, isso se perdeu. Começamos a melhorar agora”, completou Rizola.

A capitã Karin foi uma das jogadoras que mais sentiu os problemas. Depois de passar boa parte do primeiro semestre se dedicando ao cargo de dirigente esportiva do São Caetano/Mon Bijou, a meio-de-rede retornou às quadras para as finais do Campeonato Paulista, os Jogos Abertos e a Superliga. Vítima de lesão no tornozelo que a afastou de vários treinos, a ex-jogadora da Seleção Brasileira decidiu ir para o sacrifício.

“Se estou aqui tenho que dar o meu melhor, chamar jogo e fazer tudo o que for possível”, disse a jogadora, que também vem sendo utilizada como ponteira. Hoje, a tradicional “china” que realiza em combinação com a levantadora Ana Cristina é a principal fonte dos pontos do time do ABC. “Ganhei essa função no ataque por causa da ausência da Ciça. Mas, como eu e Ana nos entrosamos muito facilmente e consegui passar confiança para ela, a jogada prosseguiu”, analisou.

O São Caetano/Mon Bijou faria dois treinos preparatórios para a partida com o Cimed/Macaé no Ginásio Márcio Bittencourt. Por conta da desgastante viagem de oito horas de São Caetano até a Praia do Pecado, onde o time está hospedado, a comissão técnica decidiu realizar os trabalhos desta terça-feira somente na parte da noite. A única atividade do dia seriam a exibição e a análise do VT do jogo do último sábado. Amanhã, Rizola planeja um treino coletivo.

Do lado do Cimed/Macaé, a grande preocupação de Sérgio Negrão é fazer com que o time mantenha a agressividade que praticamente anulou a recepção do São Caetano/Mon Bijou no primeiro jogo das quartas-de-final. A meio-de-rede Ângela, que retornou de contusão há uma semana, deve ser novamente titular.

Outras três partidas movimentam a segunda rodada das quartas-de-final. Em Araçatuba, a partir das 19h30 e com transmissão ao vivo pelo SporTv, o Vôlei Futuro recebe o favoritíssimo e ainda invicto Rexona-Ades do técnico Bernardinho e suas estrelas da seleção. Às 20 horas, no Ginásio Planalto, o Brasil Telecom tenta a segunda vitória contra um Finasa/Osasco ainda atordoado pela surpreendente derrota em casa no último domingo. No mesmo horário, no Ginásio Poliesportivo, o Pinheiros-Blue Life faz as honras da casa diante do Fiat-Minas, que ganhou facilmente no sábado por 3 a 0.

As prováveis formações no norte fluminense:

Cimed/Macaé: Carol, Ângela Moraes, Daniele Scott, Michele, Juliana, Patrícia Cocco e Dani Leal (líbero). Técnico: Sérgio Negrão.

São Caetano/Mon Bijou: Ana Cristina, Joyce, Suelle, Dayse, Ciça, Karin e Nine (líbero). Técnico: Antonio Rizola.

Fonte: MF2

Veja também:

Rua Dr. Rafael de Barros, 596
CEP: 04003-043 - São Paulo, SP
(11) 3053-9560