Federação Paulista de Volleyball

FPV

OBJETIVOS TRAÇADOS PARA FINASA/OSASCO E SESI ESPORTE-MG

01 fev 2005

São Paulo – Se o Finasa/Osasco (SP) pretende se manter nas primeiras colocações para evitar um confronto mais complicado nas quartas-de-final, o Sesi Esporte-MG tem uma briga direta com o Macaé Sports (RJ) por uma vaga na próxima fase. E o segundo e nono colocados da Superliga feminina de vôlei 04/05 se enfrentam nesta QUARTA-FEIRA (02.02), às 20h, no ginásio José Liberatti, em Osasco (SP), pela sexta rodada da segunda fase classificatória.

Quem ressaltou o perigo e a importância que representa esta partida foi o técnico José Roberto Guimarães, do Finasa/Osasco. “A gente precisa fazer a nossa parte. Será um jogo duro, visto que o Sesi Esporte-MG está lutando com o Macaé Sports praticamente pela última vaga, que pode ser definita por sets. E é bom lembrar que eles quase complicaram a vida do Pinheiros/Blue Life, terceiro colocado, numa partida de cinco sets”, comenta Zé Roberto.

O Finasa/Osasco, que folgou no fim de semana, vem de uma seqüência de quatro vitórias. Zé Roberto espera que a equipe mantenha a boa fase. “Basta repetir o que tem feito nos últimos jogos. Na última partida, gostei muito do passe. Melhoramos no saque e na relação bloqueio-defesa. Tudo isso visando e já nos preparando para os playoffs decisivos, na busca pela melhor classificação possível”, diz o técnico.

Apesar da distância entre os dois times na tabela, e do Finasa/Osasco ter vencido por 3 sets a 0 na primeira fase classificatória, em Uberlândia (MG), Zé Roberto pede disciplina e respeito. “Não é uma partida tão simples assim. Estou sempre muito atento a todas as possibilidades. O Sesi Esportes-MG é um time que força o saque o tempo todo”, observa Zé Roberto. A equipe mineira é a terceira mais eficiente no saque, com 4,98% de sucesso.

Percy Oncken, técnico do Sesi Esporte-MG, mostra-se bem realista, mas não entrega os pontos. “Enfrentamos o Rexona-Ades e já encaramos outra pedreira em seguida. Sabemos que é difícil vencer, mas a gente precisa ganhar mais sets, nessa briga direta com o Macaé Sports. Mas nosso propósito é correr atrás dessa classificação”, diz Percy. No momento, os mineiros têm nove sets vencidos e 33 perdidos, em 12 jogos (uma vitória e 11 derrotas), enquanto o time do Rio tem sete vencidos e 36 perdidos, só que em 13 partidas (uma vitória e 12 derrotas), e ocupa a oitava colocação.

A última vitória do Sesi Esporte-MG foi justamente sobre o Macaé Sports, há três rodadas. “Apesar de o time não ter se apresentado bem contra o Rexona-Ades, que é uma equipe que também não deixa jogar, as jogadoras estão muito motivadas. No jogo contra o Finasa/Osasco na primeira fase classificatória, fizemos um jogo bem parelho. Todos elogiaram minha equipe. Ali começamos a engrenar na busca por um jogo mais efetivo”, recorda Percy, motivado.

EQUIPES

FINASA/OSASCO – Ana Cristina, Bia, Paula, Mari, Valeskinha e Carol. Líbero: Arlene. Técnico: José Roberto Guimarães.

SESI ESPORTE-MG – Lu, Vanessa, Alê, Naty, Thalitinha e Danão . Líbero: Flaviane. Técnico: Percy Oncken.

Fonte: CBV

Veja também:

Rua Dr. Rafael de Barros, 596
CEP: 04003-043 - São Paulo, SP
(11) 3053-9560