Federação Paulista de Volleyball

FPV

No tie-break, Rexona-Ades vence Cimed/Macaé primeiro duelo

16 mar 2007

Rio de Janeiro – O Rexona-Ades (RJ) venceu a Cimed/Macaé, por 3 sets a 2, parciais de 21/25, 25/20, 25/20, 24/26 e 15/9, na primeira partida da série melhor de cinco válida pela fase semifinal da Superliga feminina de vôlei 06/07. O duelo, que foi disputado nesta quinta-feira (15.03), no ginásio Maurício Bittencourt, em Macaé (RJ), teve duração de 2h00.

A oposto Renatinha, do Rexona-Ades, recebeu o Troféu VivaVôlei de melhor jogadora em quadra. Assim como a meio-de-rede Fabiana, também da equipe comandada por Bernardinho, Renatinha fez 19 pontos. As duas jogadoras foram as maiores pontuadoras do confronto.

A segunda rodada da fase semifinal será iniciada neste sábado (17.03), às 11h, na Arena Telemig, em Belo Horizonte, onde o Fiat/Minas (MG) receberá o Finasa/Osasco (SP), que vence a série melhor de cinco por 1 a 0. No domingo (18.03), Rexona-Ades e Cimed/Macaé voltarão a duelar, às 12h, no ginásio do Tijuca Tênis Clube, no Rio de Janeiro. As duas partidas terão transmissão ao vivo do canal Sportv.

O JOGO

O Rexona-Ades começou a partida de maneira eficiente no bloqueio (fez quatro pontos no primeiro set neste fundamento) e abriu 7/3. A levantadora Carol Albuquerque, da Cimed/Macaé, bloqueou bem e soube explorar as jogadas com a americana Danielle Scott. Num ace de Ângela Moraes, a equipe do Norte-Fluminense chegou ao empate (11/11). Quando o Rexona-Ades vencia por 16/15, Danielle Scott forçou bem o saque e dificultou a recepção do time de Bernardinho. A Cimed/Macaé fez seis pontos seguidos (21/16) e, depois, chegou ao set point (24/19). Num saque de Thaisa na rede, a Cimed/Macaé fechou em 25/21. No primeiro set, o Rexona-Ades cometeu 10 erros, contra seis do adversário.

As equipes se revezaram na liderança do placar até o 10º ponto da segunda parcial. A partir daí, o Rexona-Ades mostrou bom aproveitamento no saque, principalmente com a ponteira Sassá, e abriu 15/11. A levantadora Camilla Adão entrou bem na reta final do set, sendo eficiente também na defesa, e o time de Bernardinho manteve a vantagem. Num ataque da meio-de-rede Fabiana, o Rexona-Ades fechou em 25/20.

Na terceira parcial, o Rexona-Ades melhorou a recepção e a levantadora Dani Lins passou a distribuir com eficiência as bolas. Mas, após abrir 10/6, a equipe permitiu a reação da Cimed/Macaé, que pôs a experiente levantadora Eth no lugar da Carol Albuquerque, e a diferença caiu para um ponto (12/11). O Rexona-Ades voltou a imprimir o seu ritmo, ao contar com o bom aproveitamento da oposto Renatinha e da ponteira Sassá nas bolas de segurança. Depois de fazer 22/18, o time de Bernardinho fechou em 25/20 num ataque de Renatinha. Ao todo, foram 14 ataques eficientes da equipe no set, contra 10 da Cimed/Macaé.

No quarto set, o Rexona-Ades manteve o ritmo e uma boa vantagem até o 14/8. A partir daí, o técnico Sérgio Negrão orientou às jogadoras que forçassem o saque. A oposto Michelle, da Cimed/Macaé, passou a fazer a diferença no ataque e no bloqueio, anotando quatro pontos seguidos. A vantagem caiu para um ponto (17/16) e, em seguida, o set ficou empatado (20/20), empolgando os torcedores. A virada aconteceu numa cortada de Michelle, explorando o bloqueio adversário (24/23). Quando o árbitro marcou uma invasão de Dani Lins, a equipe do Norte-Fluminense levou o jogo para o tie-break: 26/24.

No quinto set, a experiência do Rexona-Ades fez a diferença, com as jogadoras mostrando tranqüilidade na definição das jogadas. Num ataque de Fabiana, o time de Bernardinho fechou em 15/9.

ANÁLISE DA PARTIDA

Michelle, oposto da Cimed/Macaé – “Nossa equipe está unida e mostrando que é capaz de fazer grandes jogos. Não vamos desistir tão cedo. Nosso grupo é excelente e a força do conjunto é fundamental”.

Fabiana, meio-de-rede e capitã do Rexona-Ades – “A gente cometeu alguns erros bobos, o que não pode acontecer em jogos decisivos. Temos de corrigir essas falhas, principalmente no saque e na defesa”.

EQUIPES

CIMED/MACAÉ – Carol Albuquerque, Michelle, Patrícia Cocco, Monique, Ângela Moraes e Danielle Scott. Líbero : Dani Leal. Entraram: Soraia, Eth, Renata e Jéssica. Técnico : Sérgio Negrão.

REXONA-ADES – Dani Lins, Renatinha, Sassá, Estefânia, Thaisa e Fabiana. Líbero : Fabi. Entraram: Camilla Adão, Amanda, Marcelinha e Regiane. Técnico : Bernardinho.

Fonte: CBV

Veja também:

Rua Dr. Rafael de Barros, 596
CEP: 04003-043 - São Paulo, SP
(11) 3053-9560