Federação Paulista de Volleyball

FPV

NÁUTICO/ARARAQUARA E BANESPA/MASTERCARD ABREM AS SEMIFINAIS

28 out 2004

As semifinais do Paulista Masculino de Vôlei 2004, Divisão Especial, começam nesta sexta-feira, em Araraquara. Banespa/Mastercard (1º na fase de classificação) e Náutico/Araraquara (4º) fazem a primeira partida das série melhor-de-três valendo uma vaga na final da competição. O jogo será no ginásio Castelo Branco, o Gigantão, a partir das 20 horas. Na outra semi estão Wizard/Suzano (2º) e Ulbra/São Paulo (3º), que começam o confronto no sábado, às 13h30, no ginásio do Morumbi, em São Paulo, também com tevê ao vivo.

Melhor equipe da primeira fase, perdendo apenas um dos 12 jogos disputados, o Banespa/Mastercard inicia os play-offs contra o Náutico/Araraquara na condição de favorito. Mas o grupo comandado por Mauro Grasso sabe que na prática a coisa não é tão simples e vai precisar jogar muito para superar o adversário, responsável pela única derrota da equipe, justamente na rodada final do returno, pelo placar de 3 sets a 2.

Grasso espera que o resultado tenha servido para alertar seu time. “Eles mostraram que vão brigar pela vaga e eu espero que a derrota tenha vindo no momento certo, no qual ainda podíamos perder. Certamente este resultado não deixará que a gente se acomode, porque, nas situações anteriores, todas as vezes que estivemos atrás no placar nós conseguimos remar e reverter”, lembrou o técnico.

“Tiramos lições desta derrota e vamos trabalhar duro. O objetivo é continuar evoluindo para não pararmos na semifinal, pois queremos chegar bem à frente. Por isso, é fundamental estarmos 100% concentrados, já vimos que não conquistaremos nada de forma fácil”, garantiu o capitão Nalbert.

ATRAPALHAR A VIDA

Atuando com determinação e apoiado pela torcida, o Náutico/Araraquara mostrou que tem condições de “atrapalhar a vida” do time de São Bernardo do Campo nas semifinais. Nesse sentido, o técnico Romeu Beltramelli procurou mostrar aos seus atletas que colocando em prática o que se trabalha, de uma forma prazerosa e racional, as oportunidades surgem. “Foi isso que aconteceu no último jogo. Criamos uma situação e soubemos aproveitar o momento. Nem sempre isso é possível, mas temos de ter esse objetivo”, destaca o treinador.

Romeu sabe que terá um desafio duro nesta sexta-feira, pois o adversário possui um grupo muito forte. “Não há como negar isso e não se trata de jogar a responsabilidade no adversário. Na verdade, eu gostaria muito de ser o favorito. Mas temos de jogar cada ponto com muita determinação e intensidade, rendendo o melhor possível e com o objetivo de vencer e atrapalhar a vida do Banespa/Mastercard”, finaliza.

Assessoria de Imprensa da FPV:


MBraga Comunicação

Texto: Marcelo Eduardo Braga – Mtb 18324 – e-mail: imprensa@fpv.com.br

Veja também:

Rua Dr. Rafael de Barros, 596
CEP: 04003-043 - São Paulo, SP
(11) 3053-9560