Federação Paulista de Volleyball

FPV

Larissa e Juliana estão nas semifinais do Pan

20 jul 2007

Rio de Janeiro, 19/7/2007 – A quarta vitória de Larissa e Juliana nos Jogos Pan-Americanos veio na noite desta quinta-feira, diante das uruguaias Mariana Guerrero e Karina Cardozo. A dupla brasileira venceu por 2 sets a 0, com parciais de 21/8 e 21/11, em 31 minutos. Com o resultado, Larissa e Juliana asseguraram presença nas semifinais da competição, e amanhã, às 16 horas, na arena de Copacabana, jogarão contra as mexicanas Mayra Garcia e Bibiana Candelas, que hoje eliminaram as norte-americanas Angie Akers e Brooke Niles por 2 a 0 (21/18 e 21/19).

Larissa e Juliana não encontraram dificuldades para superar a dupla do Uruguai. O saque da dupla brasileira foi o principal fundamento na vitória, e com ele, as bicampeãs do Circuito Mundial contabilizaram seis pontos. Apenas no segundo set, as uruguaias conseguiram estar na frente no placar fazendo 1/0 e 2/1. Mas o que se viu durante toda a partida foi a total superioridade de Juliana e Larissa.

“A gente já esperava cruzar com a dupla do México, e vamos procurar manter a mesma postura, que é a de pegada, de querer vencer, e manter os olhos bem abertos”, garantiu Juliana. “Estamos evoluindo a cada jogo, e diminuindo o número de erros em relação às primeiras partidas. Acho que este é o caminho para conquistarmos a medalha de ouro”, completou.

Medalha de bronze no Pan-Americano de Santo Domingo, em 2003, ao lado de Ana Richa, Larissa lembrou que a mexicana Mayra Garcia também estava na República Dominicana.

“Conhecemos bem a dupla, que tem experiência internacional. Elas jogam o Circuito Mundial, e por isso não podemos vacilar. Se conseguirmos manter esse ritmo de jogo, sairemos com a vitória”, ressaltou Larissa.

O melhor resultado da dupla mexicana no Circuito Mundial este ano foi o 25º lugar nas etapas da China e da Coréia. Nas areias coreanas, em Seul, os dois times se enfrentaram, e Larissa e Juliana ganharam por 2 a 0 (21/17 e 21/15).

Mexicanas querem medalha

Para o duelo com as atuais bicampeãs do Circuito Mundial, a mexicana Candelas, de 23 anos, espera uma partida difícil. “Conhecemos a Larissa e a Juliana das etapas do Circuito Mundial. Inclusive, nos enfrentamos uma vez este ano, na Coréia do Sul (vitória de 2 sets a 0 das brasileiras). São grandes jogadoras e têm conseguido bons resultados neste Pan-Americano. Não conheço uma receita para vencê-las, mas se quisermos conseguir isso, temos que evitar os erros, pois elas certamente não nos darão pontos de graça”, avaliou Candelas.

Enquanto sua parceira conquistou a medalha de prata no Pan de Santo Domingo, em 2003, Candelas disputou a competição pela seleção indoor. Há seis meses no vôlei de praia, a atleta mexicana sabe que ainda tem muita estrada a percorrer no esporte.

“Estou apenas começando minha carreira na praia. Sei que um grande jogador não se forma de um dia para o outro, mas sim, se aprimorando ao longo de alguns anos. Mas começar com uma medalha neste Pan será sensacional para mim”, finalizou.

Cuba e Canadá na outra semifinal

Na outra semifinal, às 17 horas desta sexta-feira, as cubanas atuais campeãs pan-americanas, Larrea e Fernandez, jogarão contra as canadenses Lessard e Maxwell. Hoje, a dupla de Cuba derrotou as irmãs Andrea e Claudia Galindo, da Colômbia, por 2 a 0 (21/12 e 21/14). Já a equipe do Canadá superou a do Equador, Mena/Hernandez, também por 2 a 0 (21/11 e 21/10).

Fonte: CBV

Veja também:

Rua Dr. Rafael de Barros, 596
CEP: 04003-043 - São Paulo, SP
(11) 3053-9560