Federação Paulista de Volleyball

FPV

Carnaval com equilíbrio é a recomendação no Santander/SBC

30 jan 2008

São Bernardo do Campo (SP) – Carnaval é, quase sempre, sinônimo de comemoração total, mas para os jogadores do Santander / São Bernardo, a situação é um pouco diferente. Algumas recomendações do preparador físico, Fábio Correia, são fundamentais para que os dias de folia ganhem um ritmo mais ameno. Além disso, os dias de festas dos jogadores serão desencontrados com o de grande parte dos brasileiros, já que a folga começa na sexta-feira (1), e em plena segunda de carnaval recomeçam os treinos para a estréia no terceiro torneio da Superliga Masculina, que acontece na quinta-feira, dia 7.

Preparador do time desde 1995, Fábio tem bastante experiência a passar para seus atletas. “Recomendamos que esses dias de carnaval sejam, sobretudo, de descanso. Para o pessoal que gosta de curtir o carnaval, tudo bem, mas tem que haver equilíbrio”, explicou Fábio que, apesar de exigente, não é dos mais radicais. “Carnaval é uma festa para todo mundo e acho que eles também têm que curtir, mas alguns conselhos sempre são válidos, como evitar bebida alcoólica e manter uma alimentação regrada”.

A maior preocupação de Fábio é em relação à volta aos treinos. “Com apenas três dias de folga, não dá para haver uma queda no rendimento, mas mesmo assim é necessário que eles não abusem para que na segunda-feira voltem aptos a enfrentar uma semana de treinamentos e o jogo na quinta-feira (dia 7). Para isso, é só saber aproveitar”, disse o preparador físico.

Fábio conta que a semana em andamento está sendo bastante puxada nos trabalhos físicos. “Estamos realizando uma semana forte, com um volume de trabalho físico alto. Estamos forçando nos trabalhos em função de termos uma semana livre. Sem o compromisso do jogo, podemos trabalhar com o volume mais elevado e, também, porque eles vão ter três dias de recuperação”, explicou.

Se carnaval nunca foi seu forte, depois desta semana puxada nos treinamentos então, o levantador Rodriguinho já tem programação definida para os dias de folga: descansar. “Eu nunca fui de pular carnaval, então vou para a chácara dos meus pais, onde se reúne toda a família. Como estes últimos dias estão sendo bastante cansativos, acho que o ideal é aproveitar essa folga para descansar mesmo” – disse o jogador que, aos 27 anos, é o mais experiente da equipe.

Apesar de ainda nem ter começado a curtir o descanso, Rodriguinho já pensa na volta aos treinos e na estréia do terceiro torneio. “Vamos ter um jogo muito importante contra o Fátima / UCS / Multisul, que ganhou da gente no segundo torneio. Aquela derrota foi muito ruim para o nosso time e agora temos que estar muito concentrados nesse jogo. Eu já estou pensando nisso desde agora”, afirmou.

Mesmo alguns anos mais jovem, o meio-de-rede Vitão, de 21 anos, tem o mesmo pensamento que seu companheiro de time. “A programação desse ano mudou um pouco os meus planos. Ano passado jogava no Espírito Santo e desfilei tocando tamborim na bateria de uma escola de samba. Mas esse ano, é diferente. Estamos todos cansados e como vamos ter jogo logo na quinta-feira, dessa vez, prefiro descansar e voltar bem aos treinos”.

Com amadurecimento, Vitão tem equilíbrio para saber dosar os dias de folia. “Claro que vou curtir, mas de maneira bem mais tranqüila do que em outros anos. Perdemos jogos que nos prejudicaram no segundo torneio e agora é hora de recuperar. O meu foco está muito voltado para isso” – contou o meio que, apesar de jovem, não se importa em não aproveitar todos os feriados. “A gente perde algumas dessas datas, mas o vôlei é o que escolhi para minha vida, é o que eu gosto de fazer, é a minha profissão. Deixo de aproveitar esse carnaval, mas prefiro comemorar no final da Superliga”, concluiu Vitão.

Fonte: Photo&Grafia Comunicação/Foto: João Pires

Veja também:

Rua Dr. Rafael de Barros, 596
CEP: 04003-043 - São Paulo, SP
(11) 3053-9560