Federação Paulista de Volleyball

FPV

Brasil Vôlei/São Bernardo volta aos treinos sem seis atletas

10 nov 2009

 


Fonte: Photo&Grafia Comunicação


 


 Fidele, Najari, Renan e Isac ganharam folga depois de treinos com a Seleção e Serginho e Marlon seguem defendendo o Brasil


 


Santo André (SP) – O Brasil Vôlei Clube / São Bernardo retoma, nesta semana, à rotina de treinamentos depois de sete dias de folga para quase todo o grupo, já que quatro jogadores continuaram trabalhando forte. O levantador Fidele, o oposto Najari e os centrais Renan e Isac foram convidados para treinar com a Seleção Brasileira Adulta, em Saquarema (RJ), durante toda a semana passada e, agora sim, ganharam descanso de quatro dias. Além deles, o líbero Serginho e o levantador Marlon continuam com a Seleção e seguem para a disputa da Copa dos Campeões, no Japão.


 


Os quatro jogadores que estavam em Saquarema voltam a treinar com o time na próxima quinta-feira (12) e chegarão em São Bernardo com uma experiência a mais na bagagem. “Na verdade, eu nem esperava esse convite e foi uma oportunidade maravilhosa. O Bernardinho nos recebeu muito bem e deixou as portas abertas, explicando que, mais difícil do que chegar na Seleção, é justamente manter essas portas abertas. Espero conseguir isso”, disse Fidele, de 22 anos e 2m07.


 


O levantador do Brasil Vôlei Clube afirma que a chance que ganhou dá um ânimo ainda maior para seguir se dedicando. “Aprendi muita coisa nesta semana, treinamos bastante e foi um grande estímulo para continuar trabalhando cada vez mais forte. Estamos descansando nesses dias, mas vou voltar aos treinos ainda mais motivado e com o objetivo de evoluir sempre mais”, afirmou Fidele.


 


Titular do time adulto durante toda a fase final do Campeonato Paulista, o oposto Najari, formado no Brasil Vôlei Clube, já começou a conquistar o reconhecimento. “Foi uma experiência muito proveitosa e inesperada. Fiquei muito feliz por ter sido chamado, pois estar no meio dos melhores jogadores do mundo é motivo de muito orgulho”, disse Najari, que tem 20 anos e 1m99.


 


“Já treinamos muito normalmente, pois a filosofia do Brasil Vôlei é parecida com a do Bernardinho. E, a partir de agora, depois dessa oportunidade, quero trabalhar ainda mais para buscar o meu espaço. Já estou bem contente por ter sido lembrado e vou treinar ainda mais para conseguir uma convocação mais para frente”, comentou o oposto campeão mundial.


 


Enquanto os jogadores chamados para treinar com a Seleção descansam, o restante do grupo treina. Alexandre Stanzioni, que assume o time enquanto Rubinho está com a Seleção Brasileira, explica que a semana é de retomada ao ritmo de treinos. “Estamos voltando gradativamente e aproveitando esse período para aperfeiçoamento técnico, já que com o ritmo acelerado de jogos, a preparação tinha que ser voltada para cada partida”, explicou Stanzioni.


 


Segundo o treinador, os jogadores precisavam de um período de descanso. ”Esse tempo de folga era necessário, não só pela parte física, mas também pelo lado psicológico. Agora estamos aproveitando também para recuperação de alguns atletas que vinham de sobrecarga e, desde já, estamos iniciando a preparação para a Superliga”, concluiu Alexandre Stanzioni.


 


Segundo a Confederação Brasileira de Voleibol (CBV), a tabela da Superliga Nacional, competição que reunirá 17 equipes de oito estados diferentes, ainda não foi definida.

Veja também:

Rua Dr. Rafael de Barros, 596
CEP: 04003-043 - São Paulo, SP
(11) 3053-9560