Federação Paulista de Volleyball

FPV

Brasil detona a Espanha. André Nascimento é destaque

19 nov 2007

Matsumoto (JAP) – A Seleção Brasileira masculina de vôlei obteve a sua primeira vitória na Copa do Mundo 2007, que classificará os três times mais bem colocados para os Jogos Olímpicos de Pequim. Nesta segunda-feira (19.11), no Matsumoto City General Gymnasium, o time verde-amarelo venceu a Espanha, campeã européia, por 3 sets a 0, parciais de 30/28, 25/17 e 25/16, em 1h12 de disputa. O oposto André Nascimento foi eleito o melhor jogador e terminou como maior pontuador da partida, com 18 acertos, um a mais que o espanhol Guillermo Falasca. Após duas rodadas realizadas, o Brasil está em quinto lugar.

Japão (4º colocado), Estados Unidos (6º), Tunísia (7º), Argentina (8º) e Austrália (9º) também têm uma vitória em dois jogos, cada. As seleções invictas são Rússia (1º), Porto Rico (2º) e Bulgária (3º). Já Coréia do Sul (10º), Espanha (11º) e Egito (12º) seguem sem vencer na competição. O primeiro critério de desempate é o ponto average (divisão dos pontos marcados pelos pontos sofridos).

O próximo adversário do Brasil será o Egito, campeão africano, nesta terça-feira (20.11), às 7h35 (de Brasília), no mesmo local, com transmissão do canal Sportv. Também pelo grupo B, a Bulgária medirá forças com Porto Rico (2h05) e a Espanha duelará com os Estados Unidos (4h35). Já a chave A, em Saitama, contará com os seguintes jogos: Rússia x Tunísia (1h35), Argentina x Coréia do Sul (4h05) e Japão x Austrália (7h).

O técnico Bernardo Rezende ressaltou que o time estava ansioso no início do jogo. “Começamos bastante nervosos. A Espanha fez um bom primeiro set. Tentamos controlar os nossos nervos e, em seguida, pegar um bom ritmo. Mas esperamos melhorar. Temos um time que joga muito rápido e a falta de preparação tem sido muito dura para nós. Uma semana é muito pouco para preparar uma equipe”, explica o treinador brasileiro, para depois completar:

“A tensão da estréia passou. O fator psicológico é muito importante. O time dos Estados Unidos, em tese, seria favorito contra Porto Rico. Mas acabou sendo derrotado. Conversei com o grupo sobre isso, ou seja, que era preciso reafirmar a tese de favorito. Hoje, o time teve a cara do Brasil”.

Bernardo também fez uma breve análise da atuação da equipe. “O Marcelinho utilizou bem o Rodrigão. Gustavo esteve bem no bloqueio, porém não foi tão acionado no ataque. Giba e André Nascimento também foram muito bem. Todo o time melhorou e sabemos que pode crescer mais”, avalia.

O técnico da Espanha, Marcelo Mendez, fez um balanço do confront “Fizemos um bom primeiro set, mas o Brasil foi melhor nos dois últimos. A derrota na primeira parcial pesou no nosso desempenho no resto da partida. Não foi apenas o saque que fez a diferença. Não conseguimos mostrar o que temos de melhor em todos os fundamentos. É preciso crescer visando às próximas partidas”.

EQUIPES

BRASIL – Marcelinho, André Nascimento, Dante, Giba, Gustavo e Rodrigão. Líbero: Sérgio.Entraram: Murilo, Bruninho e Anderson. Técnico: Bernardinho.

ESPANHA – Miguel Falasca, Guillermo Falasca, Rodríguez, García Torres, De La Fuente e Moltó. Líbero: Valido. Entraram: Pérez e Sevillano.Técnico: Marcelo Mendez.

Fonte: CBV

Veja também:

Rua Dr. Rafael de Barros, 596
CEP: 04003-043 - São Paulo, SP
(11) 3053-9560