Federação Paulista de Volleyball

FPV

Banespa/São Bernardo tenta a primeira vitória nesta quarta

22 mar 2006

São Bernardo do Campo (SP) – O Banespa / São Bernardo entra em quadra contando com a tradição e a juventude da equipe para vencer a primeira partida da série melhor-de-cinco contra a estreante Cimed. O primeiro confronto do playoff semifinal da Superliga Masculina de Vôlei acontecerá nesta quarta-feira(22), no Ginásio Capoeirão, em Florianópolis (SC), às 19h30, com transmissão do SporTV. O Banespa / São Bernardo chegou a essa fase após derrotar a On Line por dois jogos a um, nas quartas-de-final, enquanto a Cimed passou pela Wizard / Campinas após duas vitórias.

Atual campeão da competição, o Banespa / São Bernardo apostou em jogadores formados nas categorias de base do clube e enfrentará o caçula do torneio nas semifinais. Estreando na competição, a Cimed, ao contrário da equipe paulista, investiu em jogadores experientes para brigar pelo título da temporada. Os catarinenses, comandados pelo ex-jogador da Geração de Prata, Renan Dal Zotto, perderam o meio de rede Douglas, campeão olímpico em Barcelona, que já passou por duas cirurgias no joelho nos últimos meses, mas contam com Dirceu, Bob e Borba.

Esse interessante duelo entre extremos terá início amanhã e pode se estender até o dia 5 de abril, caso sejam necessárias as cinco partidas para decidir a vaga na final. A segunda colocação na fase de classificação garante à Cimed o mando de quadra em três partidas da série, sendo que a segunda partida será jogada em São Bernardo, no próximo sábado (25). Essa teórica vantagem, porém, não intimida o jovem time paulista, que venceu a partida válida pelo returno disputada no mesmo ginásio em que terá início amanhã a semifinal. Na ocasião, o Banespa / São Bernardo ganhou por três sets a um.

Para Michael, um dos titulares revelados no clube, o equilíbrio entre as equipes é absoluto. “Vai ser a disputa da agitação e da vontade contra a razão e a experiência, mas nós, além de termos as duas primeiras características, também temos as qualidades deles, porque quase todo mundo aqui tem uma certa bagagem. Fomos campeões no ano passado. Nós estamos vindo de uma crescente e podemos encontrar um equilíbrio entre esses pontos.”

Michael sabe do potencial da equipe adversária, mas garante que o Banespa / São Bernardo tem garra o suficiente para ganhar esse jogo. “Eles tem uma jogada muito rápida, mas as duas equipes tem uma característica forte, que é o saque. Apesar de jogarmos o primeiro confronto dentro da casa deles, nós temos um histórico bom aqui. Só que agora é diferente. A situação é outra e, aquele que estiver mais concentrado, leva vantagem”, destacou.

O desempenho individual dos jogadores de ambas as equipes durante as fases anteriores antecipam alguns confrontos que podem decidir a sorte dos semifinalistas. No duelo ofensivo, os paulistas têm na linha de frente Leandrão, o maior pontuador da Superliga, enquanto a Cimed conta com o também oposto Bob, segundo melhor ataque da competição. Para conter as investidas, os catarinenses acreditam no bloqueio de Sidão, o líder das estatísticas no fundamento. Porém, os paulistas não ficam atrás, e acreditam nos caixotes de Alberto, terceiro melhor bloqueador, e de Michael, o nono. Caso a bola passe pelos bloqueadores, o time do ABC tem três atletas entre os 10 primeiros defensores: Ricardo, Leandrão e Polaco.

Uma briga de gerações no quesito levantamento envolve o campeão olímpico Talmo e Bruno Resende, e promete ser um fator importante na decisão. Com 36 anos, 17 a mais que Bruninho – filho do técnico Bernardinho e da ex-jogadora Vera Mossa. Com várias passagens pela seleção brasileira, Talmo, que espera faturar pela primeira vez a Superliga, acredita que esse duelo também será equilibrado.”A equipe toda deles está muito bem, se classificaram bem. O Bruninho tem mostrado muito talento. Mas agora o campeonato se equilibrou. Apesar de jovem, o Banespa ganhou maturidade com as dificuldades que encontrou até aqui.”

Talmo não vê favoritismo. “Quem souber levar vantagem nos momentos decisivos, vai se sair melhor. Temos que ficar atentos em todos os fundamentos. O saque tem sido um ponto positivo a nosso favor, porém serão alguns momentos do jogo que vão decidir.”

O técnico Mauro Grasso adiantou a escalação do Banespa / São Bernardo com o capitão Talmo; o oposto Leandrão; os meios Michael e Alberto; os ponteiros Willian e Ricardo; e o líbero Polaco.

Fonte: Photo&Grafia

Veja também:

Rua Dr. Rafael de Barros, 596
CEP: 04003-043 - São Paulo, SP
(11) 3053-9560